Início » Vacinas podem evitar aumento de casos de gripe e dengue no período chuvoso

Vacinas podem evitar aumento de casos de gripe e dengue no período chuvoso

por Redação

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) segue oferecendo a vacinação contra a Influenza (gripe) e dengue para o público geral nos postos de saúde de Salvador. O objetivo, especialmente nesta época de chuva, é evitar o aumento dos casos de gripes e resfriados, além de manter o controle nos casos de dengue no município.

A enfermeira e coordenadora de imunização da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Doiane Lemos, lembra que a vacinação é um instrumento de proteção contra doenças. “Estamos disponibilizando os imunizantes contra dengue e influenza sempre de forma estratégica, pensando em garantir que todo público alvo tenha acesso à vacina, para reduzir o risco de infecção e de formas graves das doenças. A vacina nos ajuda na proteção coletiva”, reforça.

A vacinação da dengue começou dia 15 de fevereiro e está disponível para jovens dos 10 aos 14 anos. Até a terça-feira (21), quase 49 mil pessoas haviam sido vacinadas. Já a vacinação contra a gripe, iniciada em 8 de março, está liberada para o público em geral, com quase 275 mil soteropolitanos imunizados até o momento.

Movimento nos postos – No Multicentro Liberdade, a procura pela vacina era tranquila. Acompanhado da mãe, Jeane Maia, de 34 anos, o pequeno Pedro Josué, de três, tomou a dose contra a Influenza. “É a saúde dele que tem que estar em dia, a proteção. Eu também aproveitei e tomei a minha vacina contra a gripe, para a doença não vir mais forte e poder proteger a mim e a outras pessoas”.

Aos 12 anos, a jovem Érica Vitória esteve na unidade para a segunda dose da vacina da dengue. “Tenho que garantir a minha segurança e a da minha família. Não tive dengue, e nem quero. Acho importante as pessoas se protegerem”.

Alana Silva, 11 anos, mora no Dique do Tororó e esteve no Multicentro com a mãe, Ana Carolina, para se precaver contra a doença transmitida pelo Aedes aegypti. “Eu já tive dengue, com baixa de plaquetas e quase precisei internar. Então me hidratei bem, para poder ficar melhor. Foi um susto, aí hoje garanti a vacina para não ter algo parecido de novo”.

Público atingido – Estão habilitados para a vacina contra a dengue os pré-adolescentes e adolescentes de 10 a 14 anos. Para receber a dose, é necessário apresentar o Cartão SUS de Salvador e documento original com foto. A lista de postos de vacinação pode ser acessada no site www.saude.salvador.ba.gov.br.

Veja também